O impacto da Reforma da Previdência nos municípios • RRCAC Contabilidade Pública

O impacto da Reforma da Previdência nos municípios

Impacto da Reforma da previdência nos municípios

Atualmente em discussão na Câmara dos Deputados, a aprovação da reforma da Previdência dará um fôlego renovado a boa parte dos municípios brasileiros, que poderão aumentar o investimento em saúde, educação e assistência social. Esta é a avaliação do presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, em entrevista ao Portal Planalto.

Presidente CNM apoia reforma da previdência
Paulo Ziulkoski participou de reunião com Michel Temer,
ministros e parlamentares
Ziulkoski, acompanhado de parlamentares e prefeitos, participou de uma reunião nesta quarta-feira (3) com o presidente da República, Michel Temer, e o ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, no Palácio do Planalto. No encontro, o grupo ressaltou a importância da reforma e se comprometeu a ajudar no esclarecimento e aprovação da proposta no Congresso.

“As reformas trarão um certo alívio para a gestão dos prefeitos”, afirmou o presidente da entidade, que representa 5.028 dos 5.561 municípios brasileiros. Segundo Ziulkoski, cerca de 2 mil cidades possuem fundo próprio de previdência. Com a aprovação das novas regras, elas teriam mais dinheiro para aplicar em outras áreas. “É ganho para os 2 mil municípios investirem em saúde, educação e assistência social”, disse.

Além disso, outros 1,2 mil municípios não podem assinar convênios de transferência voluntária com a União pela falta do certificado de regularidade previdenciária. Para poder fechar as contas, as prefeituras recolhem as contribuições dos servidores, não as repassam para seus fundos de pensão e usam o dinheiro para o pagamento de outras despesas. “Estamos apoiando essas reformas, acreditamos que elas são necessárias, importantes”, reforçou.

Fonte: Portal Planalto


• Nossos Serviços •

Postagens Relacionadas
Comente esta postagem!
As opiniões expressas na área de comentários são exclusivamente de seus autores, e não necessariamente refletem a opinião do website “RRCAC” sobre o assunto.
Instagram @rrcac1
Instagram