TSE receberá mais de 600 mil prestações de contas no período eleitoral I • RRCAC Contabilidade Pública

TSE receberá mais de 600 mil prestações de contas no período eleitoral I

Terminou no dia 15 de agosto o prazo para o registro de candidaturas das eleições de 2016. Cerca de 480 mil candidatos disputarão as 63 mil vagas de prefeitos e vereadores em todo o País. Diante isso, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) receberá mais de 600 mil prestações de contas referentes ao pleito.

Desde 2002 os candidatos devem apresentar prestações de contas dos gastos de campanha. “O número de candidatos não está fechado ainda porque estamos em fase de recurso, mas já sabemos que serão algo em torno de 485 mil candidatos e 150 mil partidos e diretórios políticos concorrendo nas esferas federal, estadual e municipal. Com isso teremos, ao menos, 635 mil prestações de contas”, afirma o vice-presidente de Política Institucional do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), Joaquim Bezerra. Todas as prestações precisam ser acompanhadas por profissionais da contabilidade, e a legislação determina que as candidaturas sejam assessoradas por esses profissionais desde o início da campanha. 
 
As eleições deste ano trazem uma série de novidades. A que mais impacta no decorrer da campanha é a impossibilidade de pessoas jurídicas realizarem doações para candidaturas e partidos. Outra é a necessidade de os candidatos informarem à Justiça Eleitoral suas movimentações financeiras a cada 72 horas. “O objetivo dessa medida é aumentar a transparência e facilitar o controle social”, explica Joaquim Bezerra. Para capacitar os profissionais que atuarão no processo, o CFC, em parceria com os Conselhos Regionais de Contabilidade (CRCs) e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), está realizando uma série de seminários com o passo a passo das prestações de contas. Até o fim do ano, o Sistema CFC/CRCs terá qualificado mais de 30 mil profissionais.

Por Juliana Oliveira
RP1 Comunicação
CFC
• Nossos Serviços •

Postagens Relacionadas
Comente esta postagem!
As opiniões expressas na área de comentários são exclusivamente de seus autores, e não necessariamente refletem a opinião do website “RRCAC” sobre o assunto.
Instagram @rrcac1
Instagram