Julho 2016 • RRCAC Contabilidade Pública

(82)99985 1109 • 99801 9190

RRCAC Contabilidade Pública

Acompanhamento e regularização do CAUC

Convênios firmados entre os municípios, estado e União

Contabilidade Empresarial

Para empresas inseridas no Simples Nacional

Contabilidade Pública nas Redes Sociais!

Estamos no Facebook, Instagram, Twitter, Google+, Youtube e Pinterest! #RRCAC

Para estudantes de Contabilidade | Inscrições para o Exame de Suficiência 2016.2

inscrições exame de suficiencia
Abertas dia 4 de julho, as inscrições para a segunda edição de 2016 do Exame de Suficiência vão até 4 de agosto. De acordo com o edital, somente poderão submeter-se ao exame os candidatos que estiverem cursando o último ano ou que tenham efetivamente concluído a graduação em Ciências Contábeis.

Bacharéis em Ciências Contábeis podem inscrever-se no site da Fundação Brasileira de Contabilidade (FBC) e no do CFC.

Os candidatos que quiserem solicitar isenção da taxa de inscrição devem requerer o benefício por meio do sistema, do dia 4 ao dia 6 de julho, no ato da inscrição.

Conforme previsto no edital, a prova será aplicada no dia 16 de outubro, das 9h30 às 13h30.

A aprovação em Exame de Suficiência é um dos requisitos para que bacharéis em Ciências Contábeis obtenham registro profissional em Conselho Regional de Contabilidade, indispensável para o exercício da profissão, conforme estabelece a Lei nº 12.249/2010 e regulamenta a Resolução nº 1.486/15.

Acesse aqui o edital com o detalhamento do conteúdo programático das provas.

Fonte: CRCPR - Conselho Reg. de Contabilidade do Paraná
 

Seminário Prestação de Contas Eleitoral com a Profª. Rita Gonçalves (CRC/AL)

Será realizado hoje 20/07/16, pelo Conselho Regional de Contabilidade de Alagoas  o "Seminário de Prestação de Contas Eleitoral 2016" no Maceió Mar Hotel confira a programação e faça a inscrição.

Os certificados estarão disponíveis no site do próprio conselho.





































Empréstimo consignado usando FGTS! Saiba mais.

Logo após apreciar a proposta nos plenários, o Congresso Nacional promulgou a Lei 13.313/2016, que permite que trabalhadores do setor privado contratem crédito consignado utilizando até 10% do saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) como garantia, com desconto direto na folha de pagamento.

Pela nova lei, o empregado também poderá dar como garantia nas operações até 100% do valor da multa paga pelo empregador, em caso de demissão sem justa causa.

A nova lei foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) e é resultado da aprovação da Medida Provisória 719/2016, editada pela então presidente da República, Dilma Rousseff. O texto original do Executivo foi aprovado sem alterações pelos deputados na terça-feira, 12 de julho, e na quarta-feira pelos senadores, 15 de julho.

A lei promulgada também dispõe sobre o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por embarcações, cria um fundo, de natureza privada, sob a gestão da Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias (ABGF) para bancar indenizações e altera a Lei 13.259/2016, para determinar que o crédito tributário inscrito em dívida ativa da União poderá ser extinto mediante dação em pagamento de bens imóveis, a critério do credor.
 
FONTE: CNM

Lista TCU e TCE/AL inelegíveis 2016

LISTA TCU INELEGIVEIS 2016 ALAGOAS
Atualização com o ofício do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas

O Tribunal de Contas da União (TCU) enviou nesta quinta-feira, 9, ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) uma lista com 6.738 nomes de pessoas que, ao gerirem recursos públicos federais nos últimos oito anos, tiveram as contas julgadas irregulares e podem ser condenados pela Corte Eleitoral à inelegibilidade.

As contas podem ser reprovadas pelo TCU por mera omissão na prestação de contas, em que não há necessariamente um dano ao erário, ou por casos mais graves, como corrupção e gestão ilegal dos bens públicos. Envolvem pessoas com ou sem cargo público que administraram recursos de vários tipos, como os destinados a bolsas de estudo ou até para realização de obras federais.

A sanção de torná-las inelegíveis tem como base a Lei da Inelegibilidade. A regra prega que são inelegíveis as pessoas que tiverem as contas rejeitadas por irregularidades insanáveis e que tenham cometido ato de improbidade administrativa no exercício de cargo ou função pública. A lista será atualizada diariamente e poderá crescer até o último dia do ano. 
FONTE: TCU/ISTOÉ

Atualização 08/07/2016

INELEGIVEIS ALAGOAS 






























O Tribunal de Contas de Alagoas enviou na última segunda-feira (4), um ofício complementando a lista onde consta o nome de todos os gestores de Alagoas com contas reprovadas pelo Tribunal. Caso seja aceita a lista dos fichas sujas, muitos pré-candidatos não poderão concorrer ao pleito de 2016.

A definição de inelegibilidade foi baseada na Lei da Ficha Limpa, artigo 2º, alínea g. que define que todos os gestores que tiverem as contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade que configure ato doloso de improbidade administrativa e por decisão irrecorrível do órgão competente, salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário, para as eleições que se realizarem nos oito anos seguintes, contados a partir da data da decisão do Tribunal de Contas.

O documento onde consta os nomes da lista completa foi assinado pelo presidente do TCE Otávio Lessa de Gerado Santos e endereçada ao desembargador presidente do Tribunal Regional Eleitoral.

A Lei da Ficha Limpa é uma das grandes conquistas cívicas da sociedade brasileira. A documentação, contendo os nomes dos gestores dos executivos e de alguns presidentes de Câmaras Municipais, contempla gestões dos anos de 2004 até 2016, com o nome de mais de 51 gestores municipais, onde 44 nomes já estavam em posse do Tribunal Regional Eleitoral (TER) e mais sete, com contas reprovadas entre 2015 e 1016, foram inseridos esta semana.

A colaboração do TC é fundamental para a elaboração da lista dos gestores que devem ser excluídos da vida pública, uma vez que a Lei de Ficha Limpa (lei de iniciativa popular em boa hora acatada pelos legisladores) valorizou e muito a tarefa e as decisões das cortes eleitorais e de contas do país.

Mesmo o Tribunal de Contas de Alagoas entregando a lista com a reprovação das contas dos políticos alagoanos, cabe apenas à Justiça Eleitoral decidir sobre a inelegibilidade em cada um dos casos.

Caso a reprovação das contas Públicas apresentada pelo Tribunal de Contas de Alagoas (TCE) não seja analisa até o dia 05 de agosto, e os candidatos com contas reprovadas sejam escolhidos para disputar a eleição 2014, e o TRE aceite a denúncia de ilegibilidade enviada pelo TRE, tais candidatos poderão ter pedido de impugnação de registros das candidaturas. As convenções partidárias serão entre os dias 20 de julho e 05 de agosto.

  

FONTE: JÁ É NOTÍCIA/ TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE ALAGOAS

Congresso Internacional sobre Contabilidade Pública em Natal/RN 2016

inscrição estudantes contabilidade congresso rio grande norte 2016Nos dias 20 e 21 de outubro deste ano acontecerá na cidade do Natal/RN o VI Congresso Internacional de Contabilidade, Custos e Qualidade do Gasto no Setor Público, no auditório da Escola de Governo do Rio Grande do Norte.

Os interessados em participar do Congresso poderão realizar a inscrição através do site do evento (www.congressocq.net), e confirmar a presença através do pagamento da taxa de inscrição.

O VI Congresso Internacional CQ é uma realização conjunta do Instituto Social Iris, Associação Brasileira de Contadores Públicos (ABCP), Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Tribunal de Contas do RN e todas as entidades da Rede CQ.

Cuidado no golpe da restituição do imposto de renda!

golpe restituicao imposto de renda

 Um grupo de criminosos está usando uma página do Facebook para enganar pessoas e instalar um malware que deixa seus computadores vulneráveis. Batizada de Restituição IRPF, a página se passa por um canal oficial da Receita Federal que promete facilitar problemas relacionados à declaração de imposta de renda. O problema é que o link divulgado, oferecido para que as pessoas verifiquem sua situação frente ao fisco, redireciona o usuário para um site bem diferente do proposto e que abre as portas de seu PC para conteúdo malicioso.

O endereço em questão é muito bem disfarçado e promete levar o usuário para a página da Receita, mas o endereço real é de um site chamado Quarto do Pânico, cujo único conteúdo é um download automático de um malware que atinge sistemas Windows, fazendo com que o computador fique completamente vulnerável. E, a partir disso, os hackers podem ter acesso a dados pessoais e outras informações sigilosas que podem ser usadas para ações criminosas.

O que realmente chama a atenção por aqui é que, à primeira vista, a página Restituição IRPF realmente engana, sobretudo por conta da miniatura do link mostrar o endereço da Receita Federal. Porém, não demora mais do que um minuto para você estranhar a existência de uma única postagem, a falta de dados e o fato de que todos os comentários sobre o tema terem sido apagados — o que mostra que os criminosos estão acompanhando as interações, evitando que outras pessoas os desmascarem na rede social.

O problema é que ainda há muita gente acreditando que aquilo tudo é real. Tanto que, até o fechamento desta matéria, a publicação criminosa possuía 245 compartilhamentos e a grande maioria não fazia menção ao fato de que aquilo era um vírus. Como a pessoa envia aquilo aos seus amigos sem comprovar sua veracidade, ela acaba divulgando o malware e ajudando os criminosos. Outro ponto que enganou muita gente é que os hackers se utilizaram de uma ferramenta do próprio Facebook para alcançar o maior número de possíveis vítimas.

A partir da ferramenta de promoção de conteúdo, eles conseguiram dar mais visibilidade ao link falso e fizeram com que mais de mil pessoas curtissem a página. Por isso, antes de clicar em qualquer coisa que seja aparentemente oficial ou prometa alguma facilidade relacionada a dinheiro, duvide. Observe bem o site e procure por indícios de que aquilo é verdadeiro.

Páginas falsas, como esta, quase nunca trazem outro conteúdo além daquele que vai instalar um vírus ou causar outra dor de cabeça, então comece a duvidar logo de cara quando ver algo assim. No caso da Restituição do IRPF, fica fácil ver que ela foi criada nesta semana (ou já existe há mais tempo e foi apagada e retomada), tanto que o número de curtidas é bem reduzido para algo desse porte. Apenas para comparação, a fanpage verdadeira da Receita Federal é seguida por 79 mil pessoas e traz vários dados sobre o órgão, assim como conteúdo atualizado. Fonte: Canaltech
Por esse e por outros inúmeros motivos para que tais documentos e declarações sejam confeccionados por um profissional! Nosso escritório terá o prazer de lhe orientar em todo o processo que o seu Imposto de Renda percorre até a possível restituição!
#RRCAC